Pular para o conteúdo

BLOG-Epagri

Concórdia bate recorde de chuva registrada em 15 minutos

No dia 18, às 19:15h, uma estação hidrológica em Concórdia registrou 37,4mm de chuva, um recorde na série histórica da Epagri/Ciram. O evento foi captado pela estação Centro-Jusante, que fica na Rua Orestes Farina, e é o maior registro de precipitação em 15 minutos para o município de Concórdia apurado nos cerca de 10 anos que a Epagri/Ciram monitora o município.  

Evento meteorológico em Concórdia tem recorrência acima de 135 anos (imagem ilustrativa / Banco de imagens Pixabay)

“A chuva registrada no dia 18 pode ser considerada como um evento extremo e muito raro, pois a recorrência deste fenômeno é superior a 135 anos, segundo cálculos estatísticos históricos realizados para o município de Concórdia”, revela Guilherme Miranda, pesquisador e hidrólogo da Epagri/Ciram. Segundo ele, o maior volume registrado até então era de 26mm em 15 minutos, ocorrido no dia 10 de janeiro de 2020, às 18:15h. 

Para o pesquisador, “esse número demonstra a importância de se realizar coleta de informações ambientais, para prevenir e minimizar os efeitos dos eventos extremos, além de realizar projetos adequados a esta nova realidade hidrometeorológica”. Miro Toldo, responsável pela Defesa Civil Municipal de Concórdia, avalia que “o acompanhamento em tempo real do aplicativo de monitoramento do nível da barragem foi fundamental para que fossem fechadas as comportas, evitando maiores transtornos à população”.

O profissional da Defesa Civil segue relatando que a retenção de água na barragem foi essencial para se obter um baixo nível do canal do rio dos Queimados, pois possibilitou a drenagem na parte central da cidade no momento dos alagamentos. Segundo ele, os alagamentos ocorridos foram decorrentes do entupimento das bocas de lobo, devido ao lixo deixado nas calçadas minutos antes da sua coleta e da chuva ocorrer.

A Epagri/Ciram realiza desde 2013 o monitoramento hidrológico na Bacia do Rio Queimados, em parceria com a prefeitura local. São seis estações hidrológicas instaladas ao longo da bacia, tanto na parte montante da barragem de contenção de enchentes, no Parque de Exposição da cidade, quanto na área central do município. Os dados coletados de chuva e nível dos rios são transmitidos a cada 15 minutos e processados na Epagri/Ciram para auxiliar prefeitura e Defesa Civil Municipal a tomarem decisões para garantir a segurança da população.

Clique aqui para saber mais sobre o monitoramento na bacia do rio Queimados.

Informações e entrevistas
Guilherme Miranda, pesquisador e hidrólogo da Epagri/Ciram
(48) 36655124

Informações para a imprensa
Gisele Dias, jornalista
(48) 3665-5147 / 99989-2992

Skip to content